Aprenderdorismo

Empreender é uma arte
20 de agosto de 2021 - Por: Elias William

O que é Balanced Scorecard?

Quando você pensa no sonho da sua empresa, o que vem à cabeça? Dentre as metas estão: revolucionar o mercado, agregar valor, se tornar inovador e crescer exponencialmente de forma rápida.

Normalmente, quando criamos essas metas na nossa cabeça, também estimamos um prazo para que aconteçam como, por exemplo, daqui 3, 5, 8 ou 10 anos, certo? Parece algo tão distante que em meio a resolver problemas do dia a dia, acabamos prolongando ainda mais esses objetivos.

É justamente para unir esses lados entre passado, presente e futuro que o Balanced Scorecard serve. Quer entender mais sobre ele? Acompanhe.

O conceito

O termo Balanced Scorecard, que também pode ser representado pela sigla BSC, e traduzido para Indicadores Balanceados de Desempenho, foi criado nos anos 90 pelos professores da Harvard Business School, Robert Kaplan e David Norton.

Esse modelo surgiu como uma gestão estratégica, a fim de desmistificar que para se ter sucesso, a empresa precisa única e exclusivamente focar em indicadores financeiros e contábeis. Além disso, o sistema tem como objetivo definir estratégias e desenhar planejamentos de forma mais ampla.

Balanced Scorecard na sua empresa

1.      Perspectiva financeira

A ideia do Balanced Scorecard é somente não focar exclusivamente dos indicadores financeiros e contábeis, mas dar uma atenção a eles é importante, afinal seu negócio precisa de dinheiro rodando.

Neste ponto você irá avaliar quais serão os objetivos financeiros de curto, médio e longo prazo do seu empreendimento. Claro, levando em consideração também as expectativas dos investidores.

2. Perspectiva dos clientes

Focar no seu objetivo principal também é muito importante. Por isso, aqui você deve direcionar todos os esforços da empresa para o bom relacionamento com o cliente e a participação no mercado.

 

3. Perspectiva dos processos internos

Identificar os processos que mais impactam e aperfeiçoá-los deve ser o seu objetivo. O foco nessa etapa é a qualidade dos processos internos e o que precisa ser melhorado de forma mais assertiva até atingir a excelência.

Importante: o foco não pode ser apenas nos processos internos, também é fundamental a criação de novos processos que tornem os objetivos mais fáceis de serem alcançados.

4. Perspectiva do aprendizado e crescimento

A última perspectiva do método tem como objetivo trabalhar o aprendizado da empresa, ou seja, ela é responsável pelo conhecimento e experiência necessários para que seu negócio atinja as metas.

Por isso é importante que você invista em:

  • Capacitações e treinamentos;
  • Criação e/ou aplicação mais assertiva de um Culture Code;
  • Iniciativas que promovam a satisfação dos seus colaboradores;
  • Clima organizacional (indicador).

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram