Aprenderdorismo

Empreender é uma arte
1 de julho de 2021 - Por: Elias William

Quem é Marco Fisbhen?

Marco Fisbhen, fundador da startup de educação Descomplica, é uma daquelas pessoas que nos dá vontade de parar para ouvir.

A trajetória do empreendedor é interessante. Ele cursou Medicina na UFRJ, mas não terminou. Entrou em Engenharia de Produção pela UFRJ, mas também não finalizou. 

Até chegar ao Descomplica, acumulou mais de 10 anos de experiência como professor de física em cursinho. A sala de aula foi o grande trunfo para identificar necessidades, problemas e brechas para criar a plataforma que impactaria milhões de pessoas no futuro. 

Trajetória e patrocínio

Marco Fisbhen ainda era jovem quando iniciou a carreira de professor em um curso preparatório. Esse fato mudaria a vida de Marco, que desistiu de duas faculdades para se dedicar a tornar a física e a engenharia mais atrativas aos jovens. Para completar as aulas, comprou uma câmera e gravou diversos vídeos, que ele mesmo editava distribuía aos alunos. 

No entanto, a grande virada estava por vir. Em 2012, ele recebeu aportes que mudariam sua vida para sempre. Com finalmente o que era necessário para investir no próprio trabalho e na criação de uma sala de aula na internet: o Descomplica. 

Ele queria expandir o alcance das aulas que eram limitadas a algumas dezenas de alunos e conseguiu. No início, Marco usou uma distribuidora de DVDs para vender mais de 200 mil discos, mas a evolução ao longo dos anos se mostrou impressionante. 

O Descomplica tem mais de 30 mil vídeos, além do intenso reconhecimento por parte do próprio público e da mídia. A empresa já foi legitimada como uma das três mais inovadoras da América Latina, além da mais inovadora do Brasil. 

No ar desde 2011, a plataforma possui aulas pré-gravadas, ao vivo, monitorias, questionários em tempo real, fóruns para tirar dúvidas, além de correção de redações e milhares de questões de vestibular com a resposta, que podem ser consultadas a qualquer momento. 

Ao longo dos últimos anos, o Descomplica captou uma série de aportes. Em 2018, segundo notícias divulgadas na época, o montante recebido já ultrapassava os US$ 34 milhões. 

Alcance e novidades

Com 5 milhões de alunos alcançados mensalmente, a companhia possui centenas de funcionários e investe cada vez mais em tecnologia para oferecer conteúdo de excelência e o melhor suporte possível. 

Em 2019, o Descomplica registrou 32 milhões de visitantes únicos por ano. Três anos antes, em 2016, a plataforma já havia feito a maior aula online ao vivo do mundo, quando registrou 1,2 milhão de acessos na véspera do Enem. 

Em 2021, a empresa captou US$ 84 milhões - com aportes da família de Abilio Diniz e de Chan Zuckerberg, do Facebook - para otimizar os processos.

Uma das mais recentes empreitadas do Descomplica é a Faculdade Descomplica, que já acumula mais de mil alunos matriculados nos cursos disponíveis. 

O Descomplica oferece opções de Graduação, Pós-Graduação e cursos livres. Com videoaulas dinâmicas, conteúdo prático e muita imersão, os alunos podem escolher entre diversas áreas do conhecimento. 

 

Fontes

https://valor.globo.com/empresas/noticia/2021/02/18/startup-de-educacao-descomplica-capta-us-84-milhoes.ghtml

https://endeavor.org.br/historia-de-empreendedores/como-o-descomplica-fez-do-aprendizado-continuo-uma-estrategia-de-crescimento/

https://exame.com/pme/como-o-negocio-deste-professor-de-fisica-ja-captou-r-110-milhoes/

https://descomplica.com.br/tudo-sobre-carreiras/descomplica-e-uma-faculdade/

https://startupi.com.br/2014/05/entrevista-marco-fisbhen-co-fundador-e-ceo-descomplica/

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram